Minhas Histórias

Conto  A mulher olhava assustada,

A mulher olhava assustada, não podia acreditar, nao queria! Debatia-se em seu espírito “Mas que mundo é este meu pai? Que situação! Quantas vezes terei de viver aqui? Até quando? Até quando?”Talvez quando voltasse para casa explicaria tudo o que aconteceu a seu falecido esposo e a criança morta no útero, mas só talvez. E eu aqui tentando entender o que se passa em sua cabeça! Grita a mulher da frente, como efeito dominá todas as mulheres olham para trás, para ele, para mim, e começam a gritar atônitas, se descabelando de dor, com seus vestidos longos parece que vejo uma cena de grande tristeza cinza.. Todas estavam assustadas, e agora estão inconsoláveis. O peso da culpa cae sobre seus ombros.. o homem foge a pé.Os passarinhos observam a cena. A terra clama por justiça. “Que mundo é este? Que mundo é este? Porque eu fiz aquilo? Não estou me reconhecendo Oh céus!”O tempo para. Vai e volta. Tudo está a se repetir.. Mais uma, outra vez..O que seria tudo aquilo? Viajo para bastante lugares, já estou acostumada.. mas quem era aquela mulher? Dona dos olhos assustados? Porque me sinto tão culpada? Tudo não passou de um sonho! Eu nao sou aquele homem..eu não sou…eu não sei, por onde andei?

Kimi Areshi

 

Reflexão Abro mão

Cansei de viver Tentando Manter
as pessoas nas minhas mãos..
na minha vida
Não escrevo isto para ignorá-las,
tentando evitar mais dor.
Mas para solta-las de mim!
Deixa-las estar, se quiserem
Ou partir, se preferir,

Eu decido Abrir Mão deste
meu
controle
e viver o que
É
para Ser

Kimi Areshi

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s